Siga-nos:

Seleccionar País:


adminbr1

27 junho 2022

Nenhum comentário

Crianças e adolescentes atendidos por Fé e Alegria em Farrapos visitam museu pela primeira vez

Em junho, a equipe do Centro Social de Educação e Cultura Farrapos, unidade de Fé e Alegria em Porto Alegre (RS), promoveu uma visita cultural com as crianças e adolescentes atendidas e em situação de vulnerabilidade social para que pudessem acessar, pela primeira vez, um espaço de conhecimento e de descoberta por meio da arte. O local escolhido foi o Museu de Artes do Rio Grande do Sul (MARGS), no Centro de Porto Alegre, que atualmente está expondo o projeto “Presença Negra no MARGS”, um programa que propõe o debate e a reflexão sobre a presença e a representatividade de artistas negros e negras em espaços artísticos.

 

A visita, realizada em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, 12 de junho, foi direcionada a crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil. Com este público, a unidade executa o Serviço de Abordagem Social, realizado em parceria com a Prefeitura local, cujo objetivo é realizar o acompanhamento técnico das famílias, realizando a articulação com demais serviços socioassistenciais da região.

 

A ação realizada no MARGS evidencia a necessidade de projetos que aproximem arte e cultura com o público em geral. A exposição, inédita no estado, destaca a produção de artistas invisibilizados historicamente e incentiva um olhar mais crítico diante de questões raciais. Além disso, as crianças e os adolescentes atendidas pelo serviço tiveram a oportunidade de conhecer mais sobre as narrativas afro-brasileiras por meio da arte.

 

Trabalho Infantil

O trabalho infantil é resultado de múltiplas privações de direitos a que crianças e adolescentes em situação de pobreza estão sujeitos. Na cidade de Porto Alegre, onde o Serviço de Abordagem Social é executado, o número de crianças e adolescentes nessa condição quase triplicou em 2020 na comparação com 2019, segundo a Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc).

 

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), documento que também norteia as ações de Fé e Alegria, destaca o direito à cultura, ao lazer e à diversão para garantir o desenvolvimento integral na infância. Para erradicar e prevenir o trabalho infantil, é necessária a atuação conjunta de governos, órgãos privados e sociedade civil.

 

A Fundação Fé e Alegria atua para prevenir violação de direitos de crianças e adolescentes – como o trabalho infantil – e assegurar o desenvolvimento integral de seus atendidos.

Assine a nossa Newsletter

©2022 Todos los derechos reservados
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com